Blog FastFut

Arquivo : MLS

Toronto e LA Galaxy vencem na abertura dos playoffs da MLS
Comentários Comente

Celso de Miranda

O Toronto FC e LA Galaxy venceram nessa quarta-feira na abertura dos playoffs da MLS e avançaram para as semifinais de conferência.

Na Conferência Leste, depois de 9 anos o time canadense voltou a receber uma partida dos playoffs em casa, no BMO Field, e, finalmente, conseguiu sua primeira vitória na história da pós-temporada: 3-1 sobre o Philadelphia Union.

O italiano Sebastian Giovinco abriu o placar logo aos 15′ e Jonathan Osorio ampliou no último lance do primeiro tempo (48′). No segundo, Alejandro Bedoya diminuiu (72′), mas o artilheiro Jozy Altidore fechou o placar para o time da casa aos 85′.

Giovinco abriu o placar no BMO Field

Giovinco abriu o placar no BMO Field

No Oeste, o LA Galaxy maior vencedor da MLS venceu o Real Salt Lake por 3-1 no StubHub Center.

Todos os gols saíram ainda no primeiro tempo: o jovem Alan Gordon abriu o placar para o time da casa (14′) e o equatoriano João Plata empatou cobrando pênalti Emmanuel Boateng em Javier Morales (20′) .

O ganês de 22 anos, porém se redimiu da falta e marcou os dois gols que decidiram o placar aos 26′ e 34′.

Semifinais
Nas semifinais de Conferências, que acontecem nesse domingo, dia 30, o LA vai enfrentar o 2º colocado na temporada regular Colorado Rapids nas semifinais da Conferência Oeste: o jogo de ida acontece em Los Angeles.

Já o Toronto enfrenta o New York City FC. As partidas de volta acontecem no outro domingo, dia 6 de novembro.

Nessa quinta, o DC United enfrenta o Montreal Impact (Leste) e o Seattle Sounders recebe o Sporting KC (Oeste) para definir os  adversários de FC Dallas e NY Red Bulls nas outras duas semifinais.


MLS: Orlando perde em casa para o Montreal e está fora dos playoffs
Comentários Comente

Celso de Miranda

Pelo segundo ano consecutivo – apesar das grandes ambições, dos estádios lotados e de ter o melhor atacante jovem da liga e um ex-Melhor Jogador do Mundo no elenco – os sonhos do Orlando City de chegar aos playoffs da Major League Soccer acabam frustrados.

Nesse domingo, jogando em casa diante dos 26.041 torcedores no Camping World Stadium o time foi derrotado por 1-0 pelo Montreal Impact, na 32ª e antepenúltima rodada da temporada regular da MLS.

Com Didier Drogba no banco, coube ao ganês Dominic Oduro marcar o único gol da partida (56′). Mas o destaque do jogo foi o goleiro Evan Bush, do Montreal, que fez pelo menos 5 defesas difíceis, numa delas impediu o gol de empate num chute à queima roupa de Cyle Larin.

O Orlando City finalizou 22 vezes contra apenas 4 chutes do Montreal (uma apenas no alvo), teve 12 escanteios (contra 1), fez 26 cruzamentos (contra nenhum) e terminou a partida com 66,8% de posse de bola contra apenas 33,2% do rival.

Mas com a derrota, os “Leões” estão em 9º lugar na Conferência Leste com 35 pontos, e com apenas 2 jogos por fazer não consegue mais alcançar o Philadelphia Union, atual 6º colocado (e último time que estaria classificado para os playoffs) com 42 pontos.

Já o Montreal subiu para a 4ª posição (44 pontos), 5 à frente do New England, primeiro time fora da zona de classificação.

Coletiva
“Obviamente, todos nós estamos profundamente decepcionados”, disse o técnico Jason Kreis, que assumiu o Orlando City em julho, após a demissão de Adrian Heath, que estava no clube desde sua fundação em 2008.

“Nós demos de tudo hoje, deixamos nossos corações e almas nesse jogo,” afirmou na entrevista coletiva após a partida. “Lutamos muito, tivemos nossas chances, mas eu não vou reclamar de nada, nem de ninguém, não.”

“Os jogadores, a comissão técnica, todos fizeram o seu melhor e eu não poderia estar mais feliz com o trabalho de todos e de cada uma das pessoas do clube, sobretudo dos torcedores apoiaram o time até o último segundo”, falou. “Mas o futebol pode ser um jogo cruel e isso é o que vimos hoje.”

Para Kaká no entanto os 3 pontos perdidos hoje não são a diferença entre os playoffs e a decepção. O Orlando não foi nem sombra do time da última temporada, um time guerreiro, alegre, principalmente nos jogos em casa: o time perdeu 3 de seus últimos 4 jogos no Camping World.

Oduro: na única finalização certa do Montreal, o ganês marcou

Oduro: na única finalização certa do Montreal, o ganês marcou

“Nós tentamos tudo que podíamos hoje e na última partida [no empate em 0-0 diante do Toronto]“, disse o brasileiro. “Mas realmente foi um pouco tarde. Tivemos uma temporada inteira e em muitos jogos nós não fizemos o nosso dever de casa. Se tivéssemos lutado como nesses últimos 2 jogos não estaríamos em uma situação melhor.

A equipe continua tendo alguns jogadores de ataque muito talentosos, mas infelizmente não dispõe de peças importantes em algumas posições fundamentais, e isso foi uma questão que atormentou o time durante todo o ano, e que de forma alguma é culpa de Kreis.

O Orlando errou na pré-temporada, quando não se planejou, não montou um elenco para chegar onde queria: aos playoffs. Na temporada passada, dois times estrearam na MLS: o Orlando, que mais uma vez ficará de fora da decisão da liga, e o NY City, que já está garantido desde a vitória em Houston sobre o Dynamo (0-2), na sexta-feira (30).

“É difícil colocar em palavras como é ruim, como é triste o que estou sentindo”, lamentou Kaká.

“Temos mais 2 jogos e vamos levantar a cabeça, claro, todos são profissionais e queremos dar o melhor para o nosso torcedor, mas é hora para que todos possam pensar sobre a próxima temporada e o que podemos fazer melhor para mudar as coisas. “


Colorado Rapids e LA Galaxy garantem vaga nos playoffs da MLS
Comentários Comente

Celso de Miranda

Bastava um empate em casa, diante do atual campeão Portland Timbers, para o Colorado Rapids garantir nesse sábado uma das vagas da Conferência Oeste nos Playoffs.

Mas com o apoio dos quase 20 mil torcedores no Dick’s Sporting Goods Park, o Colorado venceu por 1-0 com um gol do atacante Sebastien Le Toux e pela primeira vez desde 2013 vai jogar a pós-temporada.

O francês de 32 anos, ex-Philadelphia marcou seu primeiro gol com a camisa do Colorado.

Com 51 pontos, o time já igualou o recorde da franquia e restando ainda 4 jogos por fazer (2 a mais que o líder FC Dallas/56 pontos) vai brigar para terminar na liderança da Conferência.

Le Toux: Colorado volta aos Plalyoffs depois de 3 anos

Le Toux: Colorado volta aos Plalyoffs depois de 3 anos

No próximo sábado o time enfrenta o Houston Dynamo, no Estádio BBVA Compass e na quinta-feira seguinte (dia 13/10) joga em casa diante do San Jose Earthquakes.

LA Galaxy
A vitória do Colorado sobre o Portland garantiu também o LA Galaxy nos playoffs. O time californiano perdeu na rodada por 1-0 para o já classificado FC Dallas em Frisco, no Texas, graças a um gol de Walker Zimmerman ainda no primeiro tempo.

Com 48 pontos (11v-15e-6d), o LA Galaxy é o 3º da Conferência Oeste e chega aos playoffs pela 18ª vez nas 21 temporadas que o clube disputou: o clube é o maior vencedor da MLS, com 5 títulos.

O LA só volta a jogar no domingo, dia 16, diante do Dynamo, em Houston.

FC Dallas, Colorado e LA Galaxy são as 3 equipes já garantidas no Oeste. No Leste, NY Red Bulls, NY City FC e Toronto FC também já estão garantidos.

A temporada regular termina no domingo 23 de outubro e a primeira rodada da pós-temporada acontece nos dias 26 e 27 de outubro.

 

 


Villa brilha e NY City fica a um passo dos playoffs da MLS
Comentários Comente

Celso de Miranda

O New York City FC venceu na sexta-feira o Chicago Fire por 4-1 no Yankee Stadium nessa sexta-feira e deu mais um passo para chegar pela primeira vez aos playoffs da MLS.

Destaque da partida, o espanhol David Villa marcou duas vezes, chegando a 19 gols, 1 a menos que o inglês Bradley Wright-Phillips do NY Red Bulls.

O colombiano Jefferson Mena abriu o placar após cobrança de escanteio ensaiada: Andrea Pirlo recuou para Khiry Shelton, que cruzou para Ronald Matarrita. O lateral costa-riquenho ajeitou de cabeça para que o ex-zagueiro do Atlético Medellin marcasse seu primeiro gol com a camisa do City.

Um minuto depois Villa recebeu de Shelton na entrada da área e bateu rasteiro no canto do goleiro Sean Johnson para aumentar.

Último colocado na Conferência Leste, 9 pontos atrás do o Chicago ainda mostrou sinais de vida aos 35′: numa boa jogada pela direita de Arturo Alvarez, o argentino Luis Solignac diminuiu de cabeça.

Villa: vice artilheiro da MLS com 19 gols

Villa: vice artilheiro da MLS com 19 gols

Mas o time da casa ampliou ainda no primeiro tempo, numa jogada iniciada por Villa, que serviu Stiven Mendoza. O colombiano ex-Corinthians recebeu na intermediária e acertou um lindo chute de esquerda.

O capitão do City fechou o placar aos 83′: em mais um passe de Shelton, o espanhol ainda cortou o zagueiro Michael Harrington e bateu de esquerda com categoria.

Playoffs
Com a vitória, o New York City assumiu a liderança da Conferência Leste e ficou muito perto de uma vaga nos playoffs  logo sua 2ª temporada na MLS.

O time garante uma das vagas da vaga ainda nesse fim de semana, com 3 rodadas de antecedência, se DC United e Orlando City empatarem nesse sábado, se o New York Red Bulls vencer o Montreal, ou se o New England não vencer o Columbus Crew no domingo.

Toronto de Altidore, Giovinco e Bradley pode garantir vaga nesse sábado

Toronto de Altidore, Giovinco e Bradley pode garantir vaga nesse sábado

Nessa rodada, além do FC Dallas, que na semana passada se tornou a primeira equipe matematicamente classificada para os playoffs,  Toronto FC e NY Red Bulls podem garantir vagas nos playoffs da Conferência Leste o LA Galaxy no Oeste.

O Toronto FC garante a vaga em caso de vitória sobre o Philadelphia Union, se o Orlando City não perder para o DC United ou o NY Red Bulls vencer o Montreal Impact nesse sábado

Os canadenses avançam ainda se o New England Revolution empatar ou perder para o Columbus Crew no domingo.

O Red Bulls só garante vaga se bater o Montreal e o LA Galaxy conquista a vaga caso vença o Seattle Sounders FC, no domingo.

Próximo

  • NYC : Houston Dynamo vs. New York City FC | sex, 30 set – Estádio BBVA Compass
  • CHI : Seattle Sounders vs. Chicago Fire | qua, 28 set- CenturyLink Field

Oficial: depois de 2 anos parado, Donovan volta à MLS
Comentários Comente

Celso de Miranda

É oficial: o meia Landon Donovan está retornando ao futebol profissional.

Aos 34 anos, a lenda da Major League Soccer, que se aposentou depois de uma longa carreira, depois de vencer sua 2ª MLS Cup, em em 2014, assinou com o LA Galaxy para o restante da temporada 2016.

O jogador já está disponível para ser escalado no jogo desse domingo contra o Orlando City, no StubHub Center, na Califórnia.

Nas redes sociais, o jogador explicou que as lesões de vários jogadores do Galaxy, bem como a saída do meio-campista Nigel de Jong, levou à sua decisão de voltar para “ajudar o time até o final da temporada.”

Com 6 jogos restantes na temporada regular, o Galaxy é o 3º colocado da Conferência Oeste com 44 pontos.

“Eu me importo profundamente com o Galaxy e ainda estou disposto a fazer de tudo para ajudar, nem que seja de uma forma muito pequena em sua busca por um 6º título da MLS,” disse Donovan.

Segundo Donovan, a decisão foi tomada depois de uma longa conversa com o técnico Bruce Arena, na sexta-feira, dia 9: “Nós dois concordamos que se isso fosse acontecer, as expectativas teriam que ser muito transparentes de parte a parte,” afirmou. “E que ele iria me usar em situações que faziam sentido para a equipe.”

“Eu passei muito tempo falando com minha família e amigos íntimos ao longo dos últimos dias, e todos nós achamos que essa seria uma oportunidade maravilhosa e uma situação onde todos sairão ganhando.”

Nascido no sul da Califórnia, Donovan jogou 14 temporadas na MLS, começando no San Jose Earthquakes (2001 a 2004) antes de mudar para o Galaxy em 2005, onde pendurou as chuteiras em 2014.

Recordista da MLS em número de gols  (144) e assistências (136)na temporada regular, e maior artilheiro na história dos playoffs (25), Donovan foi o MVP (“Melhor Jogador da Temporada”) em 2009 e artilheiro em 2008.

Donovan: maior artilheiro da história da seleção com 57 gols

Donovan: maior artilheiro da história da seleção com 57 gols

Além de jogar na MLS, atuou ainda na Alemanha, no Bayer Leverkusen e Bayern de Munique, e em duas passagens por um curto prazo na Inglaterra, no Everton.

Seleção
Donovan é
o 2º jogador com mais partidas pela seleção dos EUA (157) e o maior artilheiro de todos os tempos com 57. Ele jogou em três Copas do Mundo e participou das suas maiores conquistas do futebol dos EUA, o vice-campeonato da Copa das Confederações, em 2009 e os 4 títulos da CONCACAF Gold Cups.


Com 2 gols de Lampard NY City vence e volta à liderança
Comentários Comente

Celso de Miranda

O New York City FC venceu o DC United por 3-2 nessa quinta-feira à noite no Yankee Stadium, mas a vitória veio apenas nos últimos 15 minutos de partida.

Os visitantes venciam com um gol ainda no primeiro tempo (36′), quando David Villa empatou aos 79′. Aos 85′, Frank Lampard virou o placar, mas o DC voltou a igualar (90′).

Nos acréscimos, o meia de 38 anos marcou seu 2º gol na partida e definiu a vitória do NYC. Antes da partida, Lampard havia sido homenageado pelo time por alcançar a marca de 300 gols na carreira.

A vitória levou o City de volta à liderança da Conferência Leste, 1 ponto à frente do Toronto FC: o gol de Villa também coloca o espanhol de volta no topo da artilharia com 17 gols na temporada, 1 a mais que Sebastian Giovinco, do Toronto, e Bradley Wright-Phillips, do New York Red Bulls.

Emoção
O DC United abriu o marcador aos 36′ numa rápida e certeira troca de passes que começou com Luciano Acosta no meio-campo. O argentino tocou para o ganês Patrick Nyarko, que de primeira colocou Lloyd Sam atrás da defesa do New York.

O inglês entrou rápido e finalizou da entrada da área no direito de Josh Saunders.

O veterano Saunders evitou que os visitantes aumentasse ainda no primeiro tempo, num contra-ataque, em que o atacante Patrick Mullins finalizou cara a cara com o goleiro.

Um ídolo em Nova York: meia continua marcando

Um ídolo em Nova York: meia continua marcando

O time da casa empatou na 2ª chance que criou após o intervalo: na 1ª, aos 75′, Villa concluiu um cruzamento do lateral RJ Allen eo goleiro Bill Hamid espalmou para escanteio.

Poucos minutos depois, o zagueiro Lucas Mishu falhou ao tentar atrasar para o goleiro do campo de ataque do DC, Villa se adiantou a a Hamid e da entrada da área empatou a partida.

Apenas 5 minutos depois, o time do técnico Patrick Vieira assumiu a liderança: o jovem lateral Kiry Shelton brigou pela direita, recuperou a bola e cruzou na área.

Villa dividiu com o zagueiro Jalen Robinson, caiu, pediu pênalti, mas a bola sobrou para o oportunista Lampard, que não perdoou.

Se os 23.768 torcedores no Yankee Stadium pensavam que a vitória estava garantida se enganaram: numa cobrança de escanteio de Julian Buescher, aos 90′, Lamar Neagle marcou de cabeça e voltou a igualar o placar.

Mas o time da casa teve a última palavra 2 minutos depois: Shelton voltou a aparecer, conduzindo a bola ao ataque e servindo  Lampard na entrada da área.

O meia dominou, deu um corte que deixou Robinson no chão, antes de bater de esquerda para marcar e fazer vibrar a  a multidão.

Villa voltou ao topo na tabela de artilheiros com 17 gols

Villa voltou ao topo na tabela de artilheiros com 17 gols

300 e contando
Antes da partida, Lampard foi homenageado com uma camisa especial, um anel e uma proclamação oficial do escritório do prefeito de Nova York nomeando o 13 de agosto como ‘Frank Lampard Day’: foi nesse dia, no empate em 3-3 entre Columbus Crew e New York City FC, que o meia atingiu seu 300º gol.

“Quero investigar isso”, brincou Lampard após o jogo. “Eu não sei o que isso significa, foi realmente inesperado, mas uma verdadeira homenagem. Eu fiquei realmente emocionado.”

Proximos:

  • NYC:  New England vs New Yor City | Gillette Stadium (sábado, 10.set)
  • DC: New York Red Bulls vs DC Unite | Red Bull Arena (domingo, 11. set)

Drogba marca 3 na goleada do Montreal sobre o Philadelphia
Comentários Comente

Celso de Miranda

Didier Drogba marcou 3 vezes na goleada por 5-1 do Montreal Impact sobre o Philadelphia Union nesse sábado, no Stade Saputo, na última rodada da Major League antes do MLS All Star-Game, que marca o metade do campeonato.

Na quinta-feira, uma seleção dos jogadores da liga norte-americana enfrenta o Arsenal, da Inglaterra. Do Montreal, além de Drogba, Ignacio Piatti vai participar do jogo das estrelas: o argentino marcou o 4º gol.

O italiano Matteo Mancosu, ex-Bologna, que estreava na MLS – entrando no 2º tempo no lugar de Drogba (72′) – fechou o placar já nos acréscimos (90+4′).

Com a vitória, o Impact interrompeu uma série de 3 partidas sem vitória e chegou à 3ª posição da Conferência Leste, 1 ponto atrás do 2º lugar, o Philadelphia Union.

All-Star: 3 gols para selar vaga no jogo das estrelas

All-Star: 3 gols para selar vaga no jogo das estrelas

Pelos visitantes, Chris Pontius marcou o seu 8º gol e é o artilheiro do Union na temporada.

Próximo

  • MTL: DC United vs Montreal Impact | RFK Stadium (dom. 31 de jul)
  • PHI: Philadelphia Union  vs Real Salt Lake | Talen Energy Stadium (dom., 31 de jul)

NY City vence mais uma e segue firme na liderança
Comentários Comente

Celso de Miranda

Jogando no Stade Saputo, no Canadá, New York City FC bateu o Montreal Impact por 3-1 nessa tarde domingo e confirmou a liderança da Conferência Leste.

O espanhol David Villa abriu o placar aos 35′, confirmando sua posição de artilheiro da MLS, com seu 13º na temporada. O jovem inglês Jack Harrison, de 19 anos ampliou numa jogada individual, nos acréscimos do primeiro tempo.

Após o intervalo, Harry Shipp e Frdiminuiu (55′), mas Frank Lampard voltou a marcar para os visitantes no final da partida (85′).

O encontro marcou a volta de Didier Drogba aos gramados: o atacante steve afastado dos últimos 3 jogos do Montreal por causa de uma lesão na coxa.

Lampard fechou a vitória

Lampard fechou a vitória

A derrota deixou o Montreal em 4º.

Próximos jogos
MTL : Montreal Impact vs. Philadelphia Union | Saputo Stadium (sab, 23 julho)
NYC :  New York Red Bulls vs. New York City FC | Red Bull Arena (dom, 24 de julho)

 Clássico do Oeste

O argentino Diego Valeri foi o destaque do clássico da Cascadia, marcando dois gols na vitória do Portland Timbers sobre o Seattle Sounders por 3-1 em Providence Park, nesse domingo.

Chad Marshall diminuiu para os visitantes, mas o nigeriano Fanendo Adi fez o 3º para o time da casa.

Com a vitória o campeão do ano passado é o 5º colocado e entrou na zona de playoff da Conferência Oeste. O Seattle é o 9º.

Por coincidência, as duas equipes enfrentam a mesma equipe – o LA Galaxy – em seus próximos jogos: o Seattle joga na quarta-feira pelas quartas de final da US Open Cup, e no .

Próximos jogos
SEA:  La Galaxy vs. Seattle Sounders | US Open Cup,  StubHub Center  (qua, 2o de julho)
POR : Portland Timbers vs. LA Galaxy | MLS Regular Season, Providence Park  (sab, 23 julho)


Gerrard marca e garante vitória do LA Galaxy
Comentários Comente

Celso de Miranda

Liderado por Steven Gerrard, autor do único gol da partida, o LA Galaxy venceu o Houston Dynamo por 1-0 nessa sexta-feira no StubHub Center, na abertura da 19ª rodada da MLS: o veterano marcou seu 3º terceiro gol na temporada.

Com o resultado, o LA manteve a invencibilidade em casa na temporada, e ampliou sua atual série de 5 jogos sem perder, que inclui 3 vitórias consecutivas e chegou à 3ª colocação da Conferência Oeste, 5 pontos atrás do FC Dallas (com 2 jogos a menos).

Por outro lado, o Houston que tem a pior campanha fora de casa de toda a liga (0v-3e-8d) é o último colocado no Oeste (10º).

Gol
Mais determinados que inspirados, os anfitriões marcaram apenas no segundo tempo: Robbie Keane recebeu um longo lançamento do bósnio Baggio Husidic nas costas do zagueiro Sheanon Williams, entrou na área e bateu na saída do goleiro Joe Willis. Gerrard pegou a sobra e bateu contra o gol aberto para marcar.

Num jogo mais equilibrado do que esperado, Keane já havia perdido a melhor chance da partida, logo aos 8, cobrando para fora pênalti cometido por Williams (mão na bola).

gerrard

Vitória: 3º terceiro gol na temporada

“Jogamos bem o suficiente para conseguir os três pontos”, admitiu o treinador do Galaxy Bruce Arena após a partida. “Não foi o nosso melhor jogo. Nós mesmo tornamos as coisas mais difíceis quando não convertemos em gol as chances que criamos. Mas defensivamente jogamos bem.”

Para o autor do gol, foi um jogo de paciência: “Nós sabíamos que teríamos uma boa chance ou talvez duas boas chances no segundo tempo para marcar um gol e, felizmente nós conseguimos isso”, disse Gerrard. balão

“Fomos um time corajoso do ataque até a defesa.” (Steven Gerrard, meia do LA Galaxy)

No meio da semana, as duas equipes disputam as quartas de final da US Open Cup: as partidas podem ser acompanhadas ao vivo no Youtube.

Próximos

  • LA : LA Galaxy vs. Seattle | US Open Cup – StubHub Center (qua, 20 jul)
  • HOU : Houston vs. Dallas | US Open Cup – Estádio BBVA Compass (qua, 20 jul)

NY Red Bulls volta a vencer…E a vítima foi o Orlando City
Comentários Comente

Celso de Miranda

O New York Red Bulls pôs fim a uma série de 4 partidas sem vitória ao bater nessa quarta-feira o Orlando City por 2-0, na Red Bull Arena.

Devido a razões diferentes, ambos os times entraram em campo com várias alterações.

O Orlando, que durante a semana demitiu o técnico Adrian Health, o único a dirigir o time nos 8 anos de história do time, não tinha Kaká, contundido e colocou Cyle Larin e Julio Batista no banco.

O New York lidou melhor com as ausências: um dos jogadores que veio do banco,  Connor Lade foi justamente quem abriu o placar, aos 37′.

Primeiro gol:

Valeu a pena esperar: Connor Lade marcou golaço

O zagueiro de 26 anos marcou seu primeiro gol na MLS, o meio-campista colocou o time da casa em vantagem, após a cobrança de escanteio de Alex Muyl e do passe de de Bradley Wright-Phillips.

No segundo tempo, brilhou a estrela do brasileiro Felipe Martins, que aumentou numa cobrança de falta perfeita (59′).

Com a vitória o NY chegou à 3ª posição na Conferência Leste, 3 pontos atrás do líder NY City FC (8v-3e-9d).

Com 4v-9e-5d o Orlando é apenas o 8º.

  • NY:  Philadelphia Union vs. NY Red Bulls | Talen Energy Stadium (dom, 17 jul)
  • ORL:  Vancouver Whitecaps vs. Orlando City | BC Place (sáb, 16 jul)

Outro
Na outra partida que movimentou a Conferência Leste na noite da quarta-feira, Columbus Crew e Toronto FC empataram em 1-1: os dois gols saíram após o intervalo: o ganês Harrison Afful abriu o placar para o time da casa (52′) e o local Jordan Hamilton empatou após boa troca de bola do ataque canadense (64′).

Com a vitória o Toronto é o 5º colocado e o Columbus segue na 9ª posição do Leste.

  • CLB: Columbus Crew vs. DC United | Mapfre Stadium (sáb, 16 jul)
  • TOR: San Jose Eartquakes vs. Toronto FC | Avaya Stadium (sáb, 16 jul)