Blog FastFut

Arquivo : Seleção Mexicana

CONCACAF: EUA goleiam Honduras. México bate a Costa Rica e assume a ponta
Comentários Comente

Celso de Miranda

Os Estados Unidos venceram Honduras por 6-0, na 3ª rodada da fase final das Eliminatórias da CONCACAF, nessa sexta-feira, no Estádio Avaya, na Califórnia.

Depois de derrotas para México (1-2) e Costa Rica (4-0), a vitória deu aos EUA seus primeiros 3 pontos do hexagonal decisivo e levou o time ao 4º lugar, apenas 1 ponto atrás dos seu próximo adversário, o Panamá, que perdeu para Trinidad e Tobago na rodada.

Apenas as 3 primeiras seleções garantem vaga direta na Copa do Mundo da Rússia: o 4º colocado da CONCACAF ainda disputa uma vaga contra o 6º lugar da Ásia.

Apesar da goleada EUA estão fora da zona de classificação

Jogo
De volta à seleção depois de quase 8 meses, Clint Dempsey marcou 3 vezes: o atacante do Seatlle Sounders chegou a 55 gols com a camisa dos EUA,  apenas 2 atrás de Landon Donovan como o maior goleador da seleção.

Mas foi o estreante Sebastian Lletget quem abriu o placar, logo aos 5′: o meia do LA Galaxy, porém deixou o gramado contundido ainda no primeiro tempo (18′) e não deve enfrentar o Panamá, na próxima terça, no Estádio Rommel Fernandez, na Cidade do Panamá .

O capitão do time Michael Bradley, do Toronto, e o atacante Christian Pulisic, do Dortmund, completaram a goleada

México
O México venceu a Costa Rica (2-0) no Estádio Azteca, e assumiu a liderança do hexagonal.

A noite foi história para Javier Hernandez, que marcou o primeiro gol do jogo (7′), chegando a 46 gols pela seleção, igualando a marca de Jared Borgetti como o maior artilheiro da história da seleção mexicana.

Néstor Araújo, marcou o 2º gol ainda no primeiro tempo (44′): após a cobrança de escanteio, o zagueiro do Santos Laguna acertou uma cabeçada à queima roupa do goleiro Keylor Navas.

Os 3 primeiros garantem vaga

Próximo
A 4ª rodada começa na próxima segunda-feira 27), com Honduras recebendo a Costa Rica, no Estádio Francisco Morazan, em San Pedro Sula.

Na terça (28), o Panamá recebe os EUA, no Estadio Rommel Fernandez, e o México vai Port Of Spain, enfrentar Trinida e Tobago, no Hasely Crawford Stadium.


Giovani Dos Santos diz “não” à convocação para a Copa América
Comentários Comente

Celso de Miranda

Em boa fase no LA Galaxy – com 5 gols e 5 assistências nos últimos cinco jogos da MLS – muita gente, sobretudo os patrocinadores, esperavam que o atacante Giovani Dos Santos fosse convocado pela seleção mexicana para jogar a Copa América Centenario praticamente em casa diante da enorme comunidade de mexicanos e descencendentes no Arizona, Califórnia e Texas, onde o México enfrenta na primeira fase do torneio Uruguai, Jamaica e Venezuela.

E ele foi. Mas Giovani disse “não”.

“Giovani foi convidado”, confirmou o técnico Juan Carlos Osorio, durante entrevista coletiva na sede da Federação Mexicana em que anunciou os 23 jogadores do México. “Mas recusou a convocação.”

O treinador, porém  se recusou a entrar em detalhes sobre o que razão que o jogador teria dado para justificar sua ausência.

“Tal como fizemos do Giovani, nos esforçamos para ter todos os jogadores aqui e conversamos pessoalmente com a grande maioria”, disse Osorio. “Mas por princípios, o que foi dito com Giovani vai ficar entre nós dois.”

“Eu não posso avaliar as razões pelas quais Giovani não virá”, disse Osorio. “Por isso, não vou expressar qualquer opinião sobre isso.”

Mídia social

Mídia social: ‘espero poder voltar logo’

Retorno
Tampouco Giovani dos Santos  ofereceu uma explicação sobre o assunto: a estrela LA Galaxy abordou o assunto numa série de tweets, poucas horas depois, onde apenas agradece o convite e deseja boa sorte ao técnico e aos companheiros de time.

Fora da seleção desde a Copa Ouro de 2015

Fora da seleção desde a Copa Ouro de 2015

“Eu espero ser capaz de voltar em breve com grande entusiasmo para vestir a camisa do meu amado país,” escreveu o atacante de 27 anos, que não joga pela ‘El Tri’ desde a conquista da Copa Oro’2015, nos EUA, quando marcou apenas um gol no torneio, na goleada sobre Cuba, por 6-0 ainda na primeira fase.

Outro que preferiu ficar de fora e recusou o convite para servir a seleção foi o Carlos Vela. O atacante tem uma relação complicada com a equipe nacional, após recusar convocações por quase três anos perdendo inclusive a chance de jogar a Copa do Mundo de 2014.

Dessa vez, no entanto, o motivo foi outro: o atacante não teve uma boa temporada no Real Sociedad e Osorio disse que ele simplesmente pediu mais tempo para recuperar a boa forma.

Veja os 23 convocados para a seleção mexicana:

  • Goleiros:  Guillermo Ochoa (Malaga), Jesus Corona (Cruz Azul) e Alfredo Talavera (Toluca)
  • Zagueiros:  Rafa Marquez (Atlas), Diego Reyes (Real Sociedad), Néstor Araujo (Santos Laguna), Hector Moreno (PSV) e Yasser Corona (Queretaro),
  • Laterais: Paul Aguilar (Club America), Miguel Layún (Porto), Jorge Torres Nilo (Tigres) e Jesus Molina (Santos Laguna)
  • Meio-campistas:  Jesus Manuel Corona (Porto), Hector Herrera (Porto), Hirving Lozano (Pachuca), Andres Guardado (PSV), Carlos Pena (Chivas), Jurgen Damm (Tigres), Javier Aquino (Tigres) e Jesus Duenas (Tigres)
  • Atacantes:  Javier ‘Chicharito’ Hernandez (Bayer Leverkeusen), Raul Jimenez (Benfica), Oribe Peralta (Club America)

 


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>