Blog FastFut

Arquivo : Serie A

Argentino atrai críticas depois de ‘carrinho assassino’ no próprio filho
Comentários Comente

Celso de Miranda

Conhecido por seus dribles e gols, o meia-atacante argentino Alejandro Gomez (28), da Atalanta, não vai ser eleito o ‘pai do ano’.

O motivo: Gomez postou numa rede social um vídeo dele jogando futebol com o filho, numa praia em Dubai: nas imagens, em câmera lenta, Pupo (como é conhecido) dá um ‘carrinho voador’ por trás para retomar a bola do filho, Bautista, de 4 anos.

“Meu pobre Bauti, eu luto por cada bola, haha,” escreveu Gomez.

Em 2 dias o vídeo original já foi visto por mais de 165 mil pessoas e a maioria dos 1500 comentários não gostaram da brincadeira e criticou o pai: ‘Que idiota irresponsável’, criticou @jorgefariasc.

Ronald.vtw acrescentou: ‘ele poderia ter quebrado a perna do garoto’.  O torcedor @torresalgr foi particularmente condenatório, dizendo: ‘Então você se chamar um profissional? Você quase quebrou a perna de seu filho. Não sabe qual é a diferença entre uma criança e um adulto?

Mas também houve comentários bem humorados: “Oh, não! Carrinho por trás… e duas semanas de suspensão da praia!” , disse @tulam62).

De pai pra filho: brincadeira na praia atrai fúria de torcedores

De pai pra filho: brincadeira na praia atrai fúria de torcedores

Com cidadania italiana e argentina (ele é casado com uma italiana), Papu Gomez é conhecido por suas habilidades técnicas, alta qualidade nos passes, um poderoso chute de direita e gols de longo alcance: nessa temporada, marcou 3 vezes em 18 jogos na Série A italiana.

Formado no Arsenal de Sarandi, e com passagem pelo San Lorenzo, o jogador argentino está na Itália desde 2010 e depois de 1 ano de empréstimo ao Methalist, da Ucrânia (2013), defende o Atalanta desde 2014.

Uma das boas surpresas na temporada, o Atalanta é atualmente o 6º colocado na tabela e encerrou o ano com uma vitória em casa sobre o Empoli (2-1), na 18ª rodada

O time volta a jogar  dia 8 de janeiro, contra o Chievo em Verona.


Higuain estreia na Juve e forma física do jogador vira assunto
Comentários Comente

Celso de Miranda

A estreia de Gonzalo Higuain na Juventus diante do West Ham deixou os torcedores questionando a aparente falta de condicionamento físico do atacante.

O jogador argentino, contratado junto ao Napoli por £ 75 milhões (cerca de R$ 310 milhões) entrou no intervalo da vitória por 3-2 sobre o West Ham, na apresentação oficial do novo estádio do clube em Londres e pela primeira vez vestiu a camisa (que pareceu um tanto justa) da Juventus.

Paulo Dybala e Mario Mandzukic abriram 2-0 para os visitantes e Andy Carroll empatou para o time da casa. No fianl, Simone Zaza marcou o gol da vitória da Juve.

Comemorações: Higuain estreia com quilos a mais

Comemorações: Higuain estreia com quilos a mais

Nas redes sociais, as piadas sobre a forma física de Higuaín começaram quase que imediatamente após a partida: “A dieta começa amanhã,” postou Ben Smith, de Londres.

“90 milhões de euros ou 90 kg?”, escreveu @phil_moody. “Overweight or overprice (“acima do peso ou acima do preço’)”, completou o torcedor que assina como “moody”, ou rabugento, mal-humordo, em português.

“GH parece… Gordo. Para um jogador profissional”, resumiu @TheXorak. “Parece que alguém já gastou 1 ou 2 milhões comemorando a transferência”, ironizou @MartialAce, ambos no forum da BBC.

Enquanto a temporada da Holanda, Rússia e Portugal já começaram e a Premier League volta já no próximo fim de semana, Higuaín tem uma semana extra para se preparar para a estreia do Campeonato Italiano.

“Aparentemente ele precisa perder 1 ou 2 kg antes da temporada começar”, disse David Cohen, comentarista da BT Sport. A Juventus estreia na Serie A contra a Fiorentina n dia 21 de agosto.


Khedira na Juve: 3º título na 3ª liga diferente
Comentários Comente

Celso de Miranda

Depois de vencer a Fiorentina, em Firenze, no domingo (1-2), completando a série invicta de 25 jogos invictos com 24 vitórias, e da vitória da Roma sobre o Napoli (1-0), a Juventus confirmou seu 32º italiano, o 5º consecutivo.

Em seu primeiro ano no clube, o meio-campista alemão Sami Khedira, 29, venceu o campeonato e se uniu ao seleto grupo que conquistou três das ligas mais disputadas da Europa: a Bundesliga, La Liga e a Serie A.

Campeão em 2007, na Alemanha pelo Stuttgart e em 2012, na Espanha, pelo Real Madrid, Khedira completou seu 3º título numa grande liga com o título da Serie A, pela Juventus, feito que nenhum outro jogador alemão conseguiu.

Nenhum outro jogador alemão possui os três títulos:

Sami Khedira, 29 anos
🏆 Bundesliga (Stuttgart 2006/07)
🏆 La Liga (Real Madrid 2011/12)
🏆 Serie A (Juventus 2015/16)
🏆 Champions League (Real Madrid 2013/14)
🏆 Mundial de Clubes (Real Madrid – 2014)
🏆 World Cup (Alemanha 2014)

Depois de começar a temporada 2014/15 no banco e depois se contundir, Khedira perdeu espaço no time de Carlo Ancelotti, em agosto ele se transferiu para a Juventus, onde reencontrou seu futebol: fez 20 jogos pela Juventus na temporada, 5 gols e 4 assistências.

Os jornais na Itália concordam:  “Ele sempre faz a coisa certa”, elogiou o jornalista Fabio Licari da Gazzetta dello Sport. “Khedira brilha com sua inteligência, ele é um mestre na transição do meio-campo para o ataque.”

Tri: Alemanha, Espanha e Itália

Tri: Alemanha, Espanha e Itália

Por essas e por outras, o alemão não se arrepende da mudança para a Itália no verão: Ele acredita que a mídia espanhola, inglesa e mesmo a alemã têm sido críticas e até depreciativa em relação à Serie A.

“A mudança veio num momento certo, em Turim eu descobri uma nova força, um novo espírito em mim”, disse Khedira, nesse segunda, em entrevista à TV alemã. “A Itália vai ter sempre uma importância especial para mim.”

“É um campeonato muito difícil, onde o futebol é percebido de forma diferente”, conta. “Muitos jogos são decididos na defensiva e acaba se dando muita atenção a esse setor recebe na Itália.”

Para ele a liga tem grandes jogadores e grandes times. “No circuito europeu a Juve vem representando a liga, mas há outros times se reforçando, com bons projetos e muito em breve estarão novamente entre os melhores”, afirmou.

A Juventus disputou a final contra o Barcelona na última temporada e na atual caiu diante do Bayern num confronto épico, nas oitavas.

Liga dos Campeões: "saldo positivo"

Liga dos Campeões: “saldo positivo”

“Apesar da eliminação, o saldo foi positivo”, disse Khedira. “O nível na Europa está mais elevado do que nunca e nós temos de nos orgulhar de estarmos entre os melhores.”

Seleção
Campeão pela Juventus e recuperado no clube, o campeão do mundo Khedira espera agora se recuperar também na seleção da Alemanha, para buscar um título que ele não tem, o de campeão europeu de seleções.

O jogador foi chamado por Joachim Löw para os dois amistosos em março: Khedira foi o capitão na derrota para a Inglaterra no Olympiastadion, em Berlim (2-3), mas permaneceu no banco   na goleada sobre a Itália (4-1), na Allianz Arena, quando entraram como titulares Christoph Kramer, do Leverkusen, e Toni Kroos do Real Madrid.

No segundo tempo, Low colocou Emre Can, do Liverpool e Matthias Ginter, do Dortmund, ambos com idade olímpica (22 anos).

Ninguém tem dúvida, porém que o alemão de origem tunisiana tem vaga garantida para disputar sua segunda Eurocopa: antes, ele ainda deve disputar os dois últimos amistosos da seleção nos dias 29 de maio contra a Eslováquia, na SGL Arena, em Augsburg, e 7 de junho, contra a Hungria, na Arena AufSchalke, em Gelsenkirchen.

Apenas 4 dias depois, no dia 11, a Nationamannschaft estreia na Eurocopa contra a Ucrânia, no Stade Pierre Mauroy, em Lille, pelo Grupo C, que tem ainda Polônia e Irlanda do Norte.


Em casa, Milan empata com o Carpi em mais um resultado frustrante
Comentários Comente

Celso de Miranda

Em mais uma partida frustrante, o Milan jogando no Giuseppe Meazza apenas empatou em 0-0 diante do ameaçado de rebaixamento Carpi, nessa quinta-feira, na partida que encerrou a 34ª rodada do Campeonato Italiano.

Faltando 4 rodadas, o Milan perdeu a chance de diminuir para 4 pontos a diferença para o 5º colocado Fiorentina, que perdeu na rodada para a Udinese (2-1), e ainda buscar a classificação pelo menos para a Liga Europa.

Em 17º, o Carpi é o primeiro fora da zona de rebaixamento, 2 pontos acima do Frosinone.

Em sua segunda partida no comando do Milan, após a saída do sérvio Siniša Mihajlović, o técnico Christian Brocchi reclamou muito do árbitro Marco Guida, que não marcou pênalti do zagueiro Emanuele Suagher, que teria cortado com a mão um cruzamento de Andrea Poli, aos 83′.

Chance perdida: a 6 pontos dos torneios europeus

Chance perdida: a 6 pontos dos torneios europeus

Mas o resultado ainda podia ter sido pior para o Milan não fosse o.goleiro Gianluigi Donnarumma, que já nos acréscimos evitou a derrota com uma grande defesa no chute de Marco Crimi após uma bobagem do meia Riccardo Montolivo.

Os dois times voltam a jogar na segunda-feira (25): o Milan vai a Verona, enfrentar o lanterna Hellas Verona e o Carpi recebe o Empoli.


Danilo briga com a torcida após derrota da Udinese
Comentários Comente

Celso de Miranda

Depois de perder em casa para a Roma por 2-1, os jogadores da Udinese caminharam até atrás de um dos gols do Stadio Friuli, onde tradicionalmente ficam localizados os mais fanáticos torcedores ‘Bianconeri’.

Tradicionalmente os jogadores se aproximam da torcida, ouvem algumas vaias, acenam, pedem desculpas, prometem melhorar, ouvem pedidos de raça, jogam as camisas e se afastam: dessa vez o clima pesou, tomou outras proporções e quase saiu do controle.

Tudo começou quando o brasileiro Danilo, que não era o único alvo dos palavrões, respondeu a alguns insultos e se desentendeu com alguns torcedores.

A discussão subiu de tom e o zagueiro ex-Palmeiras precisou ser contido pelos companheiros Felipe Belo e pelo iraquiano Ali Adnan.

A Udinese é a 15ª colocada e está a 4 pontos acima da zona de rebaixamento.

 


Golaço de Dybala garante vitória da Juve
Comentários Comente

Celso de Miranda

A Juventus ampliou para 6 pontos sua vantagem sobre o Napoli na liderança da Serie A com uma vitória por 1-0 em casa sobre o Sassuolo nessa sexta-feira, na abertura da 27ª rodada.


1-0 Paulo Dybala Goal Italy Serie A – 11.03… por FootGermany

Ainda no primeiro tempo, o argentino Paulo Dybala marcou seu gol 14ª da temporada com um belo chute da entrada da área.

O Sassuolo vinha de 3 vitórias consecutivas, mas com a derrota para na 7ª posição.

De novo: argentino resolve com golaço no primeiro tempo

De novo: argentino resolve com golaço no primeiro tempo

Com o resultado dessa noite a Juve completou 10 partidas consecutivas sem sofrer gols – um novo recorde, além de aumentar a pressão sobre seu rival mais próximo na briga pelo Scudetto, o Napoli, que joga em Palermo no domingo.

A vitória dá ainda tranquilidade para o time que viaja no domingo para enfrentar o Bayern em Munique na quarta-feira no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões. A primeira partida, em Turim foi 2-2.

 

 

 

 

 

 

 


Roma vence e é 3º: Milan supera Torino e volta a sonhar com vaga europeia
Comentários Comente

Celso de Miranda

A Roma venceu por 3-1 em Empoli e assumiu nesse sábado o 3º lugar, que dá uma vaga a última vaga da Serie A na vaga da Liga dos Campeões na próxima temporada: o time no entanto ainda pode ser superado pela Fiorentina, que encerra a 27ª rodada contra o Napoli, na segunda-feira, no Estádio Artemio Franchi, em Firenze.

VIDEO Empoli 1 – 3 AS Roma (Serie A) Highlights – See more at: http://goal91.com

Publicado por Goal91 em Sábado, 27 de fevereiro de 2016

Stephan El Shaarawy abriu o placar logo aos 5′: da intermediária, o atacante de 23 anos da seleção italiana acertou o ângulo superior esquerdo, não dando qualquer chance ao goleiro polonês Lukasz Skorupski.

O sérvio Miralem Pjanic fez o segundo, após o Empoli ter empatado com num gol contra do bósnio Ervin Zukanovic.

No segundo tempo, El Shaarawy aumento o placar, marcando seu 4º gol desde que se juntou à Roma em janeiro, vindo por empréstimo do Milan, após passar rapidamente pelo Mônaco (24 jogos/3 gols).

El-Shaarawy: boa fase depois de decepção no Mônaco

El-Shaarawy: boa fase depois de decepção no Mônaco

Foi  a 6ª vitória consecutiva da Roma na liga, uma notável reviravolta para o clube, que havia vencido apenas um de seus últimos 10 jogos em todas as competições, quando Luciano Spalletti substituiu Rudi Garcia como treinador em janeiro.

“Quando o time está sem confiança é o que aconteceu com a gente, é difícil, mas parece que sempre alguma coisa dá errado”, disse Pjanic.

“Nós entramos em uma espiral negativa e por um tempo nós jogamos no mesmo caminho e foi complicado. Agora, a equipe voltou a vencer e com mérito, jogando bem. Estamos trabalhando duro e com confiança é sempre mais fácil.”

Na próxima rodada, a Roma recebe justamente a Fiorentina no Estádio Olímpico.

VIDEO AC Milan 1 – 0 Torino (Serie A) Highlights – See more at: http://goal91.com

Publicado por Goal91 em Sábado, 27 de fevereiro de 2016

Ainda dá
Na outra partida desse sábado, o Milan manteve vivas suas chances de conseguir uma vaga na Champions ao derrotar em casa o Torino por 1-0: Luca Antonelli marcou pouco antes do intervalo

Ampliando sua série invicta para 9 partidas, o Milan chegou ao 6º lugar, 3 pontos atrás da Roma – e apenas 1 ponto atrás da rival Inter, que faz nesse domingo o clássico diante da Juventus.

O Milan enfrenta o Sassuolo no Città del Tricolore, no próximo domingo (6).


Com direito a golaço, Hellas vence o Chievo no clássico de Verona
Comentários Comente

Celso de Miranda

Último colocado no campeonato italiano, o Hellas venceu o Chievo por 3-1, no dérbi de Verona, nesse sábado e chegou aos 18 pontos.

Verona earns bragging rightsSerie A TIM REPORTHellas Verona FC 3-1 A.C.ChievoVeronaThe home side earned bragging rights in the city, and the memory of this astonishing strike from Artur Ionita deep into stoppage-time.

Publicado por beIN SPORTS Australia em Sábado, 20 de fevereiro de 2016

Luca Toni abriu o placar aos 29′: o veterano cobrou um pênalti que ele mesmo sofreu, mas o veterano goleiro argentino Albano Bizzarri defendeu: no rebote, o próprio Toni marcou.

Giampaolo Pazzini aumentou no segundo tempo (57′), antes do Chievo diminuir com Sergio Pellissier, de pênalti (71′).

Ionita: reacendendo as esperanças do Hellas

Ionita: reacendendo as esperanças do Hellas

No entanto, a situação do tradicional time fundado em 1903 e que venceu o scuddeto apenas um vez, na temporada 1984/85, quando tinha Antonio Di Gennaro, além do alemão Hans-Peter Briegel e do dinamarquês Preben Elkjær-Larsen como destaques em seu elenco, ainda está longe de afastar o risco do descenso: o time esta a 7 atrás do primeiro time fora da zona do rebaixamento, o Genoa, que ainda jogo nesse domingo pela 26ª rodada.

O 3º gol foi um golaço de Artur Ioniţă: já nos acréscimos o meia canhoto da seleção da Moldávia recebeu do polonês Pawel Wszolek na intermediária e soltou a bomba acertando o ângulo de Bizzarri.


Bologna encerra sequência histórica de vitórias da Juventus
Comentários Comente

Celso de Miranda

A série incrível de vitórias da Juventus terminou: depois de vencer 15 vezes seguidas, o time que saiu da 12ª posição, em outubro para a liderança do campeonato, quando venceu o Nápoli (1-0) na semana passada, ficou no 0-0 com o Bologna nessa sexta-feira, no Estádio Renato Dall’Ara, na abertura da 26ª rodada da Serie A.

Generalprobe für den FC Bayern München verpatzt! Juventus verzweifelt vor dem Achtelfinale in der UEFA Champions League am Bologna Fc 1909.

Publicado por Spox.TV em Sexta, 19 de fevereiro de 2016

O resultado coloca a liderança do time de Turim em risco, já que se vencer o Milan na segunda-feira (22), o Nápoli volta ao topo da tabela.

Ainda sem Mario Mandzukic e Giorgio Chiellini devido a lesão, o técnico Massimiliano Allegri decidiu descansar Paulo Dybala com um olho no jogo de terça-feira, quando a Juventus recebe em Turim o Bayern de Munique na primeira partida das oitavas de final da Liga dos Campeões.

E as ausências fizeram diferença: os atuais tetracampeões da liga não perdiam qualquer ponto desde a derrota para o Sassuolo por 1-0, na 10ª rodada, em outubro.

Tetra: Juve não perdia ponto desde outubro

Tetra: Juve não perdia ponto desde outubro

Allegri negou, porém que tenha a prioridade seja a Liga dos Campeões: “Nossa prioridade número um é o campeonato italiano, mas não se pode vencer sempre”, disse na entrevista coletiva após a partida.

“A Champions nos preocupamos amanhã quando voltarmos a Turim. E mesmo assim, temos que nos mantermos focados no Italiano, porque se queremos a classificação para a Champions da próxima temporada precisamos nos manter bem no torneio local”, afirmou.

Segundo o treinador, o fato é que chegou a época  em que os times vivem um período intenso em que terão pela frente simultaneamente os jogos mais importantes da temporada.

Allegri lembrou que entre as duas partidas contra o Bayern, na próxima terça-feira, e no dia 16 de março, no Allianz Arena, o time enfrenta a Inter de Milão duas vezes: primeiro pela Serie A, no próximo fim de semana (28/fevereiro), e depois na partida de volta da semifinal da Copa da Itália (2/ março.

Foi a primeira vez desde março de 2011 (contra o Milan), que a Juventus não marcou gol no adversário, juntando qualquer torneio.

Já o Bologna, do técnico Roberto Donadoni, chega à 9ª posição na tabela na classificação, ao lado do Empoli, com 34 pontos.

No próximo domingo (28), a Juventus joga o clássico em casa contra a Internazionale. Já o Bologna enfrenta o Palermo no Estádio Renzo Barbera.


Roma vence e está pronta para enfrentar o Real
Comentários Comente

Celso de Miranda

A Roma, que se prepara para enfrentar o Real Madrid na próxima quarta-feira, na primeira partida das oitavas de final da Liga dos Campeões, no Estádio olímpico, conseguiu nessa sexta-feira uma vitória tranquila sobre o Carpi (3-1), no Estádio Sandro Cabassi, pela 25ª rodada da Série A.

Digne’s long-range rocket► Edin Dzeko scored his first goal for AS Roma since November but it was defender Lucas Digne’s screamer that broke the deadlock against Carpi.Click ‘Learn More’ for match HIGHLIGHTS and REPORT: Carpi 1-3 AS Roma

Publicado por SBS The World Game em Sexta, 12 de fevereiro de 2016

Foi a 4ª vitória consecutiva do time sob o comando do novo técnico Luciano Spalletti. A Roma tem agora 47 pontos e e alcançou a 3ª posição  — pelo menos até o jogo entre Fiorentina (46) e Inter (45), no domingo.

Os gols só saíram na segunda etapa: o lateral da seleção francesa Lucas Digne abriu o placar, num belo chute de fora da área (56′).

O suplente Kévin Lasagna empatou a partida para o time da casa aos 61′. Mas o bósnio Edin Dzeko, que não marcava desde novembro, recolocou a Roma na frente aos 84′

Um minuto depois o egípcio Mohamed Salah fechou o placar.

Com 19 pontos, o Carpi é o 19º (penúltimo).

Na próxima rodada, no domingo (21), o Carpi enfrenta o Torino, em Turim. Já a Roma recebe o  Palermo.