Blog FastFut

Arquivo : Irã

Irã é a 3ª seleção garantida na Copa do Mundo
Comentários Comente

Celso de Miranda

O Irã venceu o Uzbequistão por 2-0, essa noite, no Estádio Azadi, em Teerã, nas Eliminatórias da Ásia, e conquistou uma das 4 vagas do continente na Copa do Mundo de 2018.

Com duas rodadas de antecedência, o time do técnico português Carlos Queiroz junta-se a Rússia e Brasil como a 3ª seleção já garantida na Copa.

Líder invicto no Grupo A, o Irã chegou aos 20 pontos (em 8 jogos) e não pode ser mais alcançado pelo 3º colocado Uzbequistão (12): os dois melhores times de cada grupo têm vaga direta na Copa.

O Irã, que vai para sua 5ª Copa do Mundo, pela primeira vez vai participar de dois Mundiais seguidos.

Na Copa do Brasil, o time disputou o Grupo F e depois de marcar seu único ponto na estreia, em Curitiba, num empate em 0-0 contra a Nigéria, e das derrotas para Argentina (1-0) e Bósnia e Herzegovina (3-1), caiu ainda na primeira fase.

Principal estrela do time, o atacante Sardar Azmoun, do Rostov, da Rússia, abriu o placar aos 23′.

No 2ºtempo, o time da casa chegou a perder um pênalti, cobrado pelo capitão Masoud Shojaei, mas, no final, o atacante Mehdi Taremi (88′) garantiu a vitória, a 11ª consecutiva do Irã nas Eliminatórias da Ásia.

Irã: 5a. participação

4 vagas e meia
Apesar da derrota, o Uzbequistão permanece em 3º lugar no Grupo A (12 pontos) e ainda briga pela 2ª vaga com a Coreia do Sul (13), que enfrenta o Qatar nessa terça-feira.

Os 2 melhores de cada grupo têm vaga direta na Copa e os 3ºs colocados ainda disputam um playoff em jogos de ida e volta para decidir o 5º melhor da Ásia, que em novembro disputa a repescagem contra o 4º colocado da CONCACAF.

Atualmente ao lado de Austrália e Arábia Saudita (16 pontos), o Japão pode se isolar na ponta do Grupo B, caso pontue amanhã diante do Iraque, em jogo que por questões de segurança será disputado no PAS Stadium, em Teerã.


Rio’16: Qatar e Irã avançam às quartas de final
Comentários Comente

Celso de Miranda

O Qatar venceu a Síria por 4-2 no Estádio Jassim Bin Hamad, em Doha, e com 100% de aproveitamento avançou como campeão do Grupo A para as quartas de final do Campeonato Asiático Sub-23.

Na outra partida dessa segunda, o Irã bateu a China (3-2) e ficou com a 2ª vaga do grupo. As duas seleções já estão entre as 8 que disputarão o título e uma das 3 vagas para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto.

O Irã enfrentará o Japão já definido como campeão do Grupo B. Arábia Saudita (2 pontos), Coreia do Norte e Tailândia (1) ainda disputam a outra vaga.

Nessa terça, as partidas A.Saudita e Japão e C. do Norte e Tailândia definem o adversário do Qatar nas quartas de final.

Susto
Precisando apenas de um empate, o Qatar foi surpreendido por um gol logo aos 4′: após a cobrança de um escanteio o atacante Yousef Kalfa acertou um chute cruzado da entrada área.

O capitão Abdelkarim Hassan empatou em seguida, desviando para o gol a cobrança de falta de Akram Afif, que ainda tocou na trave antes de entrar (10′).

O time da casa virou no no primeiro tempo com gols em contra-ataques de Ahmed Alaa e Ali Moez.

No final do segundo tempo, a Síria ainda diminuiu de pênalti com Omar Kharbin, mas as esperanças duraram apenas dois minutos, com Alaa marcando em outro contra-ataque.

Hassam e Alaa dividem a artilharia do torneio com 4 gols.

Irã
Depois de um primeiro tempo nervoso no Estádio Abdullah Bin Khalifa, Arsalan Motahhari abriu o placar para o Irã (38′) numa falha do goleiro Zhang Yinuo, que substituiu o titular Du Jia, expulso na partida diante da Síria.

Festa do artilheiro

Craque: Akram Afif, do KAS, da segunda divisão da Bélgica

A vantagem do Irã durou menos de um minuto graças a um momento de brilhantismo individual de Chang Feiya, que numa jogada individual pela direita passou por dois defensores e batendo de esquerda, a bola desviou no zagueiro Roozbeh Cheshmi antes de vencer o goleiro Mohammadreza Akhbari  (40′)

O Irã respondeu no ataque seguinte: o meia Ehsan Pahlavan recebeu a bola na entrada da grande área e bateu de pé direito no canto de Yinuo (41′). O atacante Mahdi Torabi (48′) ampliou na volta do intervalo.

A China reduziu o déficit aos 69′: Liao Lisheng cobrou pênalti marcado depois que Mi Haolun foi derrubado na área por Ali Abdollahzadeh.

Quartas de final / 22 de janeiro

  • Qatar x (Arábia Saudita, Coreia do Norte ou Tailândia)
    Estádio Jassim Bin Hamad, Doha
  • Irã x Japão
    Estádio Abdullah Bin Khalifa, Doha

 

 

 


Sub-23: Qatar vence a 2ª e fica bem perto das quartas
Comentários Comente

Celso de Miranda

Num jogo disputado e emocionante, o Qatar chegou à sua segunda vitória na Copa Sub-23 da Ásia ao bater o Irã por 2-1, nessa sexta-feira no Estádio Jassim Bin Hamad, em Doha, dando um passo enorme para avançar às quartas de final do torneio que classifica 3 seleções para os Jogos Olímpicos do Rio, em agosto.

Vindo de vitória na primeira rodada, as duas equipes se alternaram no domínio das ações no início do jogo, sem conseguir, porém criar um verdadeiro lance de perigo para o gol do adversário.

A primeira oportunidade mais significativa foi do Qatar numa cobrança de falta do meia-atacante Akram Afif que acertou a trave aos 10′.

O atacante Ahmed Alaa, que já havia marcado contra a China abriu o placar para o time da casa aos 35′, depois de receber um passe perfeito de Akram Afif, batendo na saída do goleiro Mohammad Reza Akbari.

Atrás no marcador, o Irã voltou para o segundo tempo disposto a se arriscar e chegou a ter uma chance perigosa com Motahari Arslan, que recebeu na área, chutou mas o goleiro Muhannad Naim fez boa defesa.

Mas numa cobrança de escanteio, o zagueiro artilheiro Abdelkarim Hassam marcou seu 3º gol no torneio.

Duas vitórias deixam Qatar perto da vaga

Ahmed Alaa: duas vitórias deixam Qatar perto da vaga

O Irã teve a chance de diminuir logo em seguida: o atacante Arsalan Motahari foi derrubado na área pelo volante Ali Asad. Mas o goleiro Muhannad Naim defendeu a cobrança do zagueiro Roozbeh Cheshmi.

Nos minutos finais, a equipe do Irã pressionou e conseguiu um gol já nos acréscimos: Ali Karimi (homônimo do veterano ídolo iraniano) marcou.

Última
Com o resultado a equipe do Qatar se isolou na liderança do Grupo A, com 6 pontos em 2 jogos. Irã e Síria têm 3 pontos, enquanto a China permanece sem pontuar.

A última rodada será disputada na segunda-feira (18), com Qatar e Síria no Estádio Jassim Bin Hamad e China e Irã no Abdullah bin Khalifa.

Com um empate o Qatar avança. Já o Irã precisa vencer a China, já que leva desvantagem no desempate em relação à Síria no critério de gols marcados.

As duas melhores equipes de cada grupo avançam para as quartas de final. As três primeiras equipes do torneio têm vaga garantida nos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro.

 

 


Jogadora de Futsal da Tailândia suspensa por doping
Comentários Comente

Celso de Miranda

O Comitê Disciplinar da AFC anunciou nessa terça-feira a suspensão provisória de Suksen Sasiprapha da Tailândia, depois que a jogadora falhou no controle de dopagem realizado no Campeonato Asiático de Futsal  Feminino 2015, em Nilai, na Malásia.

Sasiprapha testou positivo para sibutramina após a derrota para o Irã por 1-0 no dia 25 de setembro.

A sibutramina é uma das substâncias incluída na Lista de Substâncias Proibidas da Agência Mundial Antidoping de 2015.

A suspensão provisória do Comitê Disciplinar da AFC foi emitida em conformidade com o artigo 78 do Código Disciplinar da entidade e no artigo 35 do Regulamento Antidopagem de 2015, o que significa que a atleta fica imediatamente proibida de participar de qualquer atividade relacionada ao futebol por 30 dias.

Esse período pode ser prorrogado por mais 20 dias. Após a conclusão do inquérito, a questão será decidida pelo Comitê Disciplinar da AFC.

A Associação de Futebol da Tailândia foi notificado da decisão, mas ainda não se pronunciou.


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>