Blog FastFut

Arquivo : Video/Highlights

Final francesa na Liga dos Campeões Feminina
Comentários Comente

Celso de Miranda

Paris Saint-Germain e Lyon farão a final da Liga dos Campeões Feminina 2017.

Sabrina Delannoy, cobrando pênalti sofrido por Cristiane, e um gol contra de Miriam Diéguez, deram ao Paris Saint-Germain a vitória por 2-0 sobre o Barcelona, fechando a série em 5-1 no placar agregado.

Com um público de 19.192 torcedores no Parc des Princes, o jogo quebrou o recorde para uma partida feminina em Paris.

É a 2ª vez que o PSG chega à decisão: na anterior, em 2015 o time foi derrotado pelo Frankfurt.

Disputado
Depois de vencer a primeira partida em Manchester por 3-1, na semana passada, o atual campeão Lyon eliminou o City apesar da derrota  por 1-0, nesse sábado.

O único gol do jogo saiu apenas no 2º tempo: a goleira Sarah Bouhaddi falhou ao tentar sair jogando e a norte-americana Carli Lloyd deixou sua marca.

Apesar de derrotados, Barcelona e Manchester City deixam também têm motivos para comemorar: as espanholas fizeram a melhor campanha do clube na história do torneio, e as inglesas, em sua primeira participação, já chegaram entre as 4 melhores do continente .

Rivais
As duas equipes francesas se enfrentaram nas semifinais da temporada passada, quando o Lyon venceu com um impressionante  7-0 em casa (diante 22.050 torcedores, ainda um recorde para um jogo feminino na França) e 1-0 na segunda partida, em Paris.

Festa: vaga na final e recorde de público em Paris


Enquanto o time da capital persegue seu 1º título, o Lyon busca a 4ª conquista para se igualar ao Frankfurt, como maior vencedor do torneio criado em 2001/02.

Independentemente do resultado, porém a França já garantiu seu 4º titulo, é o país é o 2º maior vencedor, atrás apenas da Alemanha (9 títulos).

A Suécia  tem 2 (ambos do Umeå) e a Inglaterra (Arsenal) tem 1.

A final será no dia 1 de junho, no Cardiff City Stadium, no País de Gales.

 

 

 


River Plate na final do Mundial de Clubes
Comentários Comente

Celso de Miranda

O campeão da Copa Libertadores da América River Plate conquistou  vaga na decisão da Copa do Mundo de Clubes 2015 ao vencer o campeão da J-League Sanfrecce Hiroshima por 1-0 na primeira semifinal do torneio nessa quarta-feira à noite no Osaka Nagai Stadium.

Sanfrecce Hiroshima 0-1 River Plate (FIFA Club World Cup) Highlights – See more videos at: http://goal91.com

Posted by Goal91 on Quarta, 16 de dezembro de 2015

Lucas Alario marcou o gol da vitória (72′): depois de uma cobrança de falta da direita, o goleiro Takuto Hayashi tentou cortar, mas Jonathan Maidana ajeitou para Alario, que não teve problemas para cabecear para o gol vazio.

Depois de vitórias sobre Auckland City e TP Mazembe, o time japonês sofreu seu primeiro gol e disputará a 3ª colocação no sábado contra o perdedor da partida entre Barcelona e Guangzhou Evergrande, que se enfrentam nessa quinta-feira em Yokohama.

O vencedor fará a final no domingo contra River Plate.

Disputado
O Sanfrecce teve as  melhores chances nos primeiros 45 minutos, com Yusuke Minagawa, em particular, causando  todos os tipos de problemas para o goleiro Marcelo Barovero, que foi o destaque com pelo menos 3 defesas difíceis.

Após o intervalo, porém Marcelo Gallardo tornou a marcação da equipe argentina melhor com a entrada de Luis Rodriguez.


De volta ao futebol, CSKA Sofia tem apoio inusitado
Comentários Comente

Celso de Miranda

Os Stormtroopers estavam nas arquibancadas para torcer para o CSKA Sofia contra o Sozopol, da 2ª divisão, nas quartas de final da Copa da Bulgária, na quarta-feira, no Bâlgarska Armija, em Sofia.

Deu certo, o CSKA venceu por 3-0, com Yordanov Preslav (78′, 86′) e Tsvetanov Momchil (90′).

O time um dos maiores vencedores do futebol búlgaro, acabou sendo desfiliada da Federação Búlgara em abril desse anos por conta de dívidas insolúveis, que já vinham se arrastando desde 2008, quando chegou a ser impedido de disputar a Liga dos Campeões, logo após vencer seu último título nacional

Ameaçado a disputar apenas o futebol amador, um empresário local assumiu o time, que foi autorizado apenas a disputar o Grupo-Sul Ocidental V (o 3º nível do futebol búlgaro).

Volta
Mas na Copa o time avançou bem nas fases preliminares contra os times das ligas regionais: depois nas oitavas eliminou o Spartak Pleven, da 2ª Divisão por 2-0.

Agora, na semifinal o CSKA vai enfrentar o Beroe (da PFG, a 1ª Divisão), que eliminou nos pênaltis o Cherno More.

Na outra semifinal, dois times da PFG: Litex Lovech, que passou pelo Levsi Sofia, enfrenta o Montana, que eliminou o Loko Gorna.


Ronaldo quebra recordes na goleada do Real Madrid sobre o Malmö
Comentários Comente

Celso de Miranda

Com o primeiro lugar do Grupo A já garantido, o Real Madrid tinha pouco em jogo na última partida da fase de grupos da Liga dos Campeões, no entanto os homens de Rafael Benitez ainda produziram um desempenho impressionante ao golear o Malmö (8-0), com Cristiano Ronaldo escrevendo outro capítulo da história do torneio.

VIDEO Real Madrid 8 – 0 Malmo (Champions League) Highlights – See more at: http://goal91.com

Posted by Goal91 on Terça, 8 de dezembro de 2015

Ronaldo marcou 4 vezes e quebrou seu próprio recorde de gols na fase de grupos, superando a temporada 2013-2014, quando marcou 9 vezes (marca igualada na temporada passada pelo atacante Luiz Adriano Shakhtar Donetsk).

O resultado igualou a maior vitória já Liga dos Campeões: em 06 de novembro de 2007 o Liverpool bateu o Besiktas também por 8-0.

No Estádio Santiago Bernabéu, o português se tornou apenas o 4º jogador do Real Madrid na história a marcar quatro vezes em um jogo da Liga dos Campeões (Copa dos Campeões Europeus), seguindo os passos de Alfredo Di Stéfano, Hugo Sanchez e Ferenc Puskas. O único desde que a competição assumiu o atual formato.

VIDEO PSG 2 – 0 Shakhtar Donetsk (Champions League) Highlights – See more at: http://goal91.com

Posted by Goal91 on Terça, 8 de dezembro de 2015

O recorde de 5 gols numa partida ainda é de Lionel Messi e Luiz Adriano.

Além dos gols de Ronaldo, Karim Benzema marcou 3 vezes e o volante croata Mateo Kovačić deixou o seu.

Na outra partida do Grupo, o Paris Saint-Germain venceu o Shakhtar Donetsk por 2-0, no Parc des Princes, com gols de Lucas e Zlatan Ibrahimović, que com o gol se tornou o maior goleador da história do time nos torneio da UEFA.


La Liga: Rayo vence o Espanyol
Comentários Comente

Celso de Miranda

Em campo há apenas uma bola: se você não está com ela, tem que correr atrás dela. Essa foi a lição que o Espanyol trouxe dessa sexta-feira dos Estadio de Vallecas, em Madri, onde enfrentou o Rayo Vallecano na abertura da 9ª rodada de La Liga.

Mas a aula não saiu de graça: custou-lhe a derrota por 3-0.

VIDEO Rayo Vallecano 3 – 0 Espanyol (La Liga) Highlights – See more at: http://goal91.com

Posted by Goal91 on Sexta, 23 de outubro de 2015

O meia Roberto Trashorras cobrando pênalti abriu o placar no primeiro tempo (38′). No segundo, Javi Guerra marcou outros dois (76′ e 78′).

Com a vitória o Rayo quebrou a série de duas derrotas consecutivas para o Espanyol em casa, nas temporadas anteriores. Com 10 pontos, o time é o 12º, e na próxima rodada joga em Eibar (7º), no domingo (1).

Também no domingo, o Espanyol (9º/12pt) recebe o Granada.


Fabricante apresenta bola para a temporada 2015/16 do Campeonato Francês
Comentários Comente

Celso de Miranda

A Adidas e a Liga de Futebol Profissional (LFP) da França apresentaram a bola que será utilizada na temporada 2015-2016 do futebol francês.


PSG Paris Saint-Germain vs Olympique Lyon [2… por Pathmanathan_Cumanan

A nova bola foi utilizada pela primeira vez no jogo entre Paris Saint Germain e Olympique Lyonnais, no dia 1º de agosto, na decisão do Champions Trophy, em Montreal: e o primeiro a marcar com a ProLigue 1 foi o brasileiro David Luiz, que abriu o placar na vitória do PSG por 2-0.

Com um design limpo, a ProLigue 1 retoma a tradicional cor branca em 80% de sua superfície, que tem ainda listras azuis, vermelhas e pretas.

Pro Ligue 1 retoma a predominância do branco

Pro Ligue 1 retoma a predominância do branco

A versão ‘top glider’ (profissional/masculino) é vendida no site da empresa por € 25,00.

A bola oficial da Ligue 1 está agora disponível também nas lojas Adidas.com e em distribuidores autorizados, onde um versão réplica também está disponível por € 20,00.


Gerrard marca na estreia na MLS e Galaxy goleia San Jose
Comentários Comente

Celso de Miranda

Steven Gerrard estreou na MLS essa noite no StubHub Center e participou da criação de dois dos três gols de Robbie Keane e ainda marcou seu primeiro gol com a camisa do LA Galaxy na goleada por 5-2 diante do San Jose Earthquakes, no Clássico da Califórnia.

O Galaxy chegou a estar perdendo por 2-0, quando Robbie Keane diminuiu aos 28 minutos, num pênalti marcado a partir de uma falta sobre Gerrard . O inglês empatou a partida ainda no primeiro tempo.

O atacante irlandês marcou o 3º num cruzamento de Gerrard e chegou ao se 2º ‘hat-trick’ consecutivo na MLS convertendo mais um pênalti, dessa vez sofrido pelo bósnio Baggio Husidic.

Já nos acréscimos Sebastian Lletget marcou o 5 º gol para a alegria dos 27 mil torcedores, entre eles a ex-estrela do time e da Premeir League David Beckham.

A vitória levou o time à liderança temporária da Conferência Oeste dois pontos à frente de Seattle, Vancouver e FC Dallas que ainda jogam na rodada.

Na terça-feira, o Galaxy enfrenta o Barcelona no torneio amistoso International Champion Cup 2015 no Rose Bowl e o Earthquakes joga contra o Manchester United na Avaya Stadium.

Pela MLS, no próximo fim de semana, o LA vai a Houston enfrentar o Dynamo, no sábado, e o San Jose enfrenta o Whitecaps em Vancouver, no domingo.


Gold Cup: Cuba se classifica para enfrentar os EUA nas quartas de final
Comentários Comente

Celso de Miranda

Só havia uma alternativa para Cuba e Guatemala no encerramento do Grupo C, se desejassem avançar às quartas de final da Gold Cup 2015 na noite de ontem no Bank of America Stadium, em Charlotte: vencer.

E um mergulho de cabeça de Maykel Reyes, faltando apenas 17 minutos para o final da partida deu a Cua a vitória por 1-0 conduzindo seu país à segunda classificação consecutiva às quartas de final do torneio, fato sem precedentes.

As outras duas equipas do grupo, México e Trinidad e Tobago, que empataram em 4-4 ficaram com as duas primeiras vagas, como campeão e vice do grupo, mas Cuba avançou como um dos melhores 3º colocados.

Contra
Cuba superou deserções, questões de vistos e duas derrotas nas quais sofreu nove gols (6-0 do México e 3-0 de Trinidad), mas com apenas um gol marcado se classificou para a fase eliminatória, onde vai enfrentar justamente os ex-inimigos políticos – agora em processo de reconciliação – Estados Unidos.

E não é só a rivalidade que estará em jogo no sábado, em Baltimore: como donos da casa e atuais campeões do torneio, os Estados Unidos são de longe os favoritos.

Nos outros jogos, o Haiti enfrenta a Jamaica e, no domingo, Trinidad pega o Panamá e o México joga contra a Costa Rica.


México goleia Cuba na estreia da Gold Cup: 6-0
Comentários Comente

Celso de Miranda

Diante das notícias que cercaram a seleção de Cuba nos últimos dias, a vitória do México na estreia das duas seleções no Grupo C da 13ª edição da Gold Cup, ontem no Soldier Field, em Chicago já era esperada.

A fragilidade da equipe cubana ficou evidenciada ainda no primeiro tempo, quando Oribe Peralta (aos 17′ e 37′),  Carlos Vela (22′) e Andrés Guardado (44′) não encontraram muita resistência para fazer 4-0.

No segundo tempo, Peralta de novo (62′) e Giovani dos Santos (75′) fecharam o placar frente à formação cubana, que inscreveu apenas 16 jogadores (só cinco atletas, incluindo o goleiro, ficaram no banco na partida).

Os desfalques em Cuba começaram com o atacante Keiler Garcia, que abandonou o hotel em Chicago, onde a delegação estava hospedada, às vésperas da partida, tendo aparentemente desertado.

Peralta e Vela: goleada para mais de 50 mil torcedores em Chicago

Peralta e Vela: goleada para mais de 50 mil torcedores em Chicago

Além dele, outros seis jogadores cubanos, assim como o técnico Raul Gonzalez, não conseguiram viajar a tempo para os EUA devido a problemas com os vistos de entrada a partir de Antígua, onde a seleção do Caribe realizou um amistoso preparatório para o Pan.

Na outra partida do grupo Trinidad e Tobago venceu a Guatemala por 3-1, no jogo também disputado no Soldier Field, que recebeu um excelente público de mais de 50 mil torcedores.

No domingo, em rodada duplaCuba enfrenta Trinidad e Tobago e o México joga contra a Guatemala, em rodada dupla no University of Phoenix Stadium, em Glendale, no Arizona.


Kaká marca, mas leva o primeiro vermelho direto da carreira
Comentários Comente

Celso de Miranda

Aos 33 anos, Kaká levou ontem o primeiro cartão vermelho direto de sua carreira, depois de marcar no empate do seu time o Orlando City contra o Real Salt Lake, em jogo válido pela 18ª rodada da MLS.

O astro brasileiro abriu o placar logo aos 5’, completando para o gol uma boa tabela do ataque, que acabou na assistência de Pedro Ribeiro.

No final do primeiro tempo, com o jogo já empatado Kaká, porém perdeu a cabeça numa disputa de bola pela bola com o craque argentino do Real Salt Lake, Javier Morales junto à linha lateral.

O brasileiro tentou por duas vezes tomar a bola de Morales e na segunda, Kaká derrubou o adversário por trás, e quando esse estava caído à sua frente, o brasileiro acabou pisando no jogador argentino.

Pressionado pelos jogadores do Real Salt Lake, o árbitro Sorin Stoica expulsou Kaká, que pela primeira vez recebeu o cartão vermelho direto de sua carreira.

Expulso pela primeira vez, o brasileiro será submetido ao Comitê Disciplinar da MLS: embora o regulamento preveja suspensão de 3 a 8 partidas, é pouco provável que seja punido por mais de uma partida, já que nunca Kaká tem ‘ficha limpa’. Ou tinha.

Vermelho: expulso direto, Kaká será julgado e pode pegar até 8 jogos

Vermelho: expulso direto, Kaká será julgado e pode pegar até 8 jogos

Costa do Marfim e Osasuna
O brasileiro havia sido expulso de campo apenas outras duas vezes carreira: ambas foram em resultado de dois cartões amarelos.

A primeira vez foi em plena Copa do Mundo de 2010, no jogo Brasil e Costa do Marfim. O outro 2º amarelo de Kaká foi jogando pelo Real Madrid contra o Osasuna em dezembro de 2013.